Fundação da Juventude

Exposição Artes e Talentos – 3ª edição

De 03/07/2017 a 02/08/2017

Exposição Artes e Talentos – 3ª edição

A Fundação da Juventude recebeu 51 projetos artísticos na 3ª Edição do Concurso Artes & Talentos, iniciativa que premeia projetos expositivos para o Palácio das Artes – Fábrica de Talentos.

 

Foram 5 os jovens vencedores 1º lugar – João Meirinhos, 2º lugar – Rebecca Moradalizadeh, 3º lugar – Henrique Frazão, 4º lugar – Helena Ferreira, 5º lugar - Joana Silva.  

 

A exposição Artes e Talentos será inaugurada no dia 3 de julho pelas 17h, no Palácio das Artes – Fábrica de Talentos, no Porto. 

 

Na exposição terá a oportunidade de visionar os trabalhos dos 5 vencedores, estando patente de 3 de julho a 2 de agosto, de segunda a sábados das 10 às 18 horas, no Palácio das Artes – Fábrica de Talentos, no Porto.

  • Exposição

    Patente de 3 de julho a 2 de agosto

    Segunda a Sábado – das 10 às 18 horas

  • Artistas

    1º lugar – João Meirinhos
    No ano de 2011, João Meirinhos viajou por 22 países entre a Europa e a África, fazendo sempre a mesma pergunta: O que é a liberdade para ti?
    No ano de 2015 foi com o Cinéma du Desert até à Mongólia, numa viagem que demorou 9 meses e 29.000 kms. 

     

    2º lugar – Rebecca Moradalizadeh
    Archive Vivants é uma questão, uma reflexão, uma suposição, uma opção.
    Como tratar os vestígios da performance art? Como contrariar uma prática de expressão direta, intangível e efémera? Como enaltecer o gesto corpóreo remanescente no espaço?

     

    3º lugar – Henrique Frazão
    O projeto “ethereal”apresenta diferentes espaços na cidade de Lisboa e a sua apropriação pelas pessoas que estavam no local à data, hora, minuto e segundos da fotografia. Representam um momento na vida desses espaços. Nalguns casos poderão ser momentos de exceção, noutros talvez representar a norma. Mas será a norma uma repetição exata do momento registado?

     

    4º lugar – Helena Ferreira
    Este projeto consiste numa instalação de vídeo e desenho que procura fazer convergir a narrativa e a paisagem a partir de um tempo interior que é não-linear, isto é, uma fusão de fragmentos de tempos presentes e ausentes, reais e imaginados que pressupõem a experiência do tempo, sem percurso nem enredo.

     

    5º lugar - Joana Silva
    Mas a sombra precisa de fingimento é um projeto pictórico centrado na temática do simulacro e configurado na relação entre espaço cinematográfico e espaço da pintura. Procura-se explorar dispositivos cénicos de natureza cinematográfica, de representação do espaço e das figuras como estratégias retóricas da pintura.

  • Júri
    • Fátima Dias, Secretária Geral da Fundação Millennium bcp
    • Maura Marvão, Representante em Portugal da Leiloeira Phillips
    • Carlos Cezanne, Editor da Revista ATTITUDE
    • Maria de Fátima Lambert, Professora do ensino superior e curadora independente
    • Rodrigo Patrício, Arquiteto
    • Isabel Lopes Gomes, Realizadora e Curadora
  • Organização

  • Parceiros

    Porto   

  • Mecenas

  • Local

    Palácio das Artes – Fabrica de Talentos

    Largo de São Domingos

    Porto

  • Contactos

    Ema Gonçalves

    Email: egoncalves@fjuventude.pt

    Telf.: 22 339 35 30

Sede

  • Palácio das Artes - Fábrica de Talentos
    Largo de S. Domingos, 19
    4050-545 Porto
  • Tel: + 351 22 339 35 30
    Fax: + 351 22 339 35 44

Newsletter