Fundação da Juventude

I Campeonato de Matraquilhos do centro histórico do Porto

20/06/2015

I Campeonato de Matraquilhos do centro histórico do Porto

Matrecos para todos no Porto a 20 de Junho

É um jogo que apaixona fãs do futebol de todas as idades, que sobrevive aos tempos e se mantém como garrida diversão, mesmo numa época tão marcada pelo entretenimento tecnológico. Falamos dos matraquilhos, dos famosos matrecos, o jogo que assenta na paixão e na perícia de pulso que o Porto vai consagrar, num grande campeonato, no dia 20 de Junho, na Casa da Companhia, na Rua das Flores, e que termina com um lanche no belíssimo Palácio das Artes, no coração do centro histórico. A organização do evento é uma parceria entre a Busílis da Comunicação, uma empresa do centro histórico, a Associação de Matraquilhos do Porto e a Fundação da Juventude com o apoio da Federação Portuguesa de Matraquilhos e Futebol de Mesa, da Porto Lazer, da Rádio Nova e da Unicer. A equipa vencedora ficará apurada para o Campeonato Nacional de Matraquilhos.

O evento vai desenrolar-se num formato destinado a cativar o interesse não só de quem joga, mas também de quem vai assistir. A acompanhar a competição, haverá uma equipa de comentadores e, nas mesas de jogo, estarão jogadores federados a dar “show de bola”, contribuindo para aumentar a emoção e a espetacularidade. Este Campeonato vai contar com a participação especial de Álvaro Costa, Sérgio Sousa e João Nuno Coelho, da Liga dos Últimos.

Vai ainda ser atribuído o Prémio Bitaites, criado em honra do Professor Hernâni Gonçalves, figura do Porto e do futebol da qual temos tantas saudades.

Raquel Gomes, da Busílis, conseguiu que a sua ideia fosse abraçada pelos outros parceiros da organização do Campeonato de Matraquilhos do Porto. “A ideia é conhecermos as pessoas que trabalham e vivem no centro histórico, e ainda todas as outras que por aqui circulam e passeiam, juntando-as para se divertirem em redor de uma mesa de matraquilhos. Todos sabemos jogar matrecos, um jogo que nos faz lembrar as festas populares e o convívio espontâneo entre as pessoas. Há muitas emoções boas em redor do jogo, como a ansiedade pela espera de jogar, a alegria de um bom remate, aqueles momentos de glória em que os jogadores de madeira parecem ganhar vida”, declara a responsável pela boutique gráfica que, nos últimos tempos, tem procurado dinamizar o centro histórico com várias iniciativas de valorização de cultura popular.

Sede

  • Palácio das Artes - Fábrica de Talentos
    Largo de S. Domingos, 19
    4050-545 Porto
  • Tel: + 351 22 339 35 30
    Fax: + 351 22 339 35 44

Newsletter